segunda-feira, 26 de setembro de 2011

SOU TEU ANJO

video

A CRIANÇA E DEUS

video

O VALOR DE SER EDUCADOR

O valor de ser Educador

Ser transmissor de verdades,
de inverdades...
Ser cultivador de amor,
de amizades.
Ser convicto de acertos,
de erros.
Ser construtor de seres,
de vidas.
Ser edificador.
Movido por impulsos, por razão, por emoção.
De sentimentos profundos,
que carrega no peito o orgulho de educar.
Que armazena o conhecer,
que guarda no coração, o pesar
de valores essenciais
para a felicidade dos “seus”.
Ser conquistador de almas.
Ser lutador,
que enfrenta agruras,
mas prossegue, vai adiante realizando sonhos,
buscando se auto-realizar,
atingir sua plenitude humana.
Possuidor de potencialidades.
Da fraqueza, sempre surge a força
fazendo-o guerreiro.
Ser de incalculável sabedoria,
Pois “o valor da sabedoria é melhor que o de rubis”.
É...
Esse é o valor de ser educador.
Parabéns a todos nós, educadores do nosso país!!!

terça-feira, 26 de abril de 2011

O uso do Laboratório de Infomrática como ferramenta pedagógica

Ministério da Educação e Cultura



Programa Nacional de Tecnologia Educacional



Proinfo Integrado






Curso de Introdução à Educação Digital
Projeto de Pesquisa e Aprendizagem
O uso do Laboratório de Informática como ferramenta pedagógica.





Autores: Arlete Costa Otaviano Ricardo,
Maria de Fátima A. de O. Cardoso, Sonia Antonio de Souza, Maysa Passos Barros







Novo gama, Abril de 2011





ÁPRESENTAÇAO


Considerando os diversos projetos de inclusao digital, sejam publicos, privados ou do terceiro setor, observa-se a necessidade de capacitacao de professores no uso das tecnologias digitais, de forma a promover a educacao continuada. E ao se buscar um melhor aproveitamento desses projetos, ha que se considerar o grande índice de educadores da educaçao basica que se encontram pouco familiarizados com a utilizacao de ferramentas computacionais no dia-a-dia do processo pedagogico e, ainda, que inumeros professores necessitam de atualizacao em metodologias de construcao de projetos educacionais ou de pesquisa.

JUSTIFICATIVA
:
O fato de equipar a escola com computadores não é garantia de que este recurso será utilizado para a melhoria do processo de aprendizagem e de que ele por si só vá resolver os problemas da educação. Vimos, anteriormente, que o professor tem papel fundamentaL Neste processo. ...muitos educadores ainda não sabem o que fazer com os recursos que a informática oferece. E, nesse sentido, a chave do problema é a questão da formação, da preparação dos educadores para saberem como utilizar esta ferramenta como parte das atividades que realizam na escola.


OBJETIVO GERAL

O professor deve perceber, na capacitação, como integrar a tecnologia da informática a sua proposta pedagógica.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS

Desenvolver o conhecimento básico de Informática, como ferramenta fundamental no contexto atual.
Ampliar a capacidade de domínio das novas tecnologias.
Construir novas possibilidades de aprendizagens significativas.


DESENVOLVIMENTO:

O projeto terá uma duração de 1 semana em que todos ficaram interados, sendo que O aluno/professor deverá se familiarizar com o uso do microcomputador e do sistema operacional Linux com as ferramentas Writer, Calc e Impress da suite BrOffce, o OpenOce brasileiro.
utilizando-se de jogos educacionais e outras ferramentas como recurso pedagógico, com o propósito de estimular novas formas de pensar, na construção do conhecimento.
Como parte do desenvolvimento , professores redigirão, respectivamente, diário de bordo e um breve relatório com suas impressões a respeito de cada aula e cada atividade desenvolvida durante o projeto, para acompanhamento, avaliação e auto-avaliação, que servirão de base para análise e efetivação de novas atividades e projetos usando a informática educativa.
RECURSOS :
Serão utilizados os recursos materiais disponibilizados pela Escola, tais como:
• 10 computadores (disponíveis no Laboratório de Informática);
• Impressora (disponível na secretaria da escola);
• Software de jogos educacionais;
Serão usados também CDs e disquetes para gravação, cadernos individuais para o registro dos relatórios e outros materiais que durante as atividades forem necessários para o Laboratório de Informática:
Data Show.


CRONOGRAMA

40 HORAS

AVALIAÇAO

Uma prova com perguntas sobre o que aprenderam
Durante o curso, com uma pequena dissetaçao.





BIBLIOGRAFIA


INEP (2007). Ideb - prova brasil/saeb 2007. Dispon__vel em

'http://www.provabrasil.inep.gov.br'
IPM (2005). Indicador de analfabetismo funcional. Dispon__vel em
'http://www.ipm.org.br/ipmb pagina.php?mpg=4.02.00.00.00&ver=por'
Junior, W. M. and Lopes, J. J. (2006). O processo de implanta_c~ao de um ambiente de
aprendizagem virtual no ensino superior. TecEduc@tion 2006. 3º Congresso e Exposi_c~ao
Internacional de e-Learning e Tecnologia Educacional. 18
Lemos, M. A. and Winck, J. B. (2007). A internet educa? Dispon__vel em
'http://www.triplov.com/alzira/alzira2.htm'. 16
L_evy, P. (2002). Educa_c~ao contra a exclus~ao digital. Dispon__vel em
'http://jbonline.terra.com.br/jb/papel/cadernos/internet/2002/08/25/jorinf20020825011.htm



quarta-feira, 2 de março de 2011

MAIS ATIVIDADES DE MATEMATICA











































































CARTAZ COM DIFICULDADES


















Link para essa postagem


CALENDÁRIO

 
©2007 '' Por Elke di Barros